Você sabia que a Terra tem outra lua?

Que a Lua é o satélite natural da Terra isso você já aprendeu em suas aulas na escola. Quando o homem chegou na Lua, por exemplo, teve até transmissão pela TV e foi considerada a aventura espacial mais marcante da história.

E em suas aulas na escola, o professor lhe ensina que a Lua é o único astro importante para todos os mecanismos de vida do Planeta que possuímos. Mas estudos mostraram que não é bem assim. Existe uma segunda lua. Será mesmo verdade?

terralua1

O Cruithne 3753 foi descoberto no ano de 1997 e considerado satélite quase-orbital da Terra. A diferença deste astro para com a Lua é que ele dá voltas ao redor do nosso Sistema Solar  todo e não da nossa órbita, como faz a Lua.

 Essa característica ficou conhecida como órbita ferradura. Segundo os astrônomos, várias luas de Saturno possuem esse mecanismo. Confira no vídeo:

O Cruithne é afetado pela gravidade terrestre e ela chega a achatar o padrão orbital produzindo uma visão que gera um efeito incrível para quem está observando la da Terra. Segundo as precisões dos cientistas, a órbita atual desse astro deve se manter dessa forma pelo menos 5 mil anos até que algo de diferente comece a acontecer.

Veja o esboço:

terralua2

Por conta do seu tamanho (cerca de cinco quilômetros de comprimento), muitos afirmam que o Cruithne se parece com o cometa onde está localizada a sonda Rosetta, o  67P / Churyumov-Gerasimenko.

Veja mais sobre a órbita do Cruithne:

Escreva Um Comentário