Uau! Que avião! – Histórias engraçadas

  • Cara essa noite foi o máximo. Comentou o primeiro amigo.

  • E aí você foi naquela balada da mina gata que você conheceu lá na faculdade? Perguntou o segundo amigo.

  • É claro mano. A festa estava super legal. Tinha um carinha fazendo um som maneiro. Você perdeu véio. Falou o primeiro amigo.

  • Pois é bróder! Não deu para eu ir. Eu tinha uma parada urgente pra resolver. Eu até que queria ver essa tal mina que você falou. Eu queria ver se a garota era tudo isso mesmo. Mas diz aí, conseguiu ficar com alguém? Perguntou o segundo amigo.

  • Que nada meu camarada! Eu não dei sorte com mina nenhuma. O bagulho tava mais devagar que pedágio em feriado prolongado. Meu! Você não tem noção. O negócio tava tão complicado pro meu lado que, se chovesse mulher naquele dia era capaz de cair um tijolo na minha cabeça.

Mas tudo beleza! Tranquilão!  Já estou até acostumado. Essas minas aí só querem esses carinhas tipo Justin Bieber, Luan Santana, Fiuk, Neymar: Tudo carinha feio e pobre. Não tô nem aí pra elas. Elas ainda vão correr atrás de mim. Vamos ao que interessa. Cara! Nem te conto… Vi um avião…

  • Um avião? E aí meu? Como é que foi a parada? Disse o segundo amigo

  • Cara! Demais! Era Enorme! Eu até tirei umas fotos.

  • Você conseguiu tirar fotos! É mesmo? Cadê o celular? Deixa-me ver. Aposto que é a maior furada. Todas as vezes que você fala isso é a maior decepção. Comentou o segundo amigo.

  • Você não está botando fé não? Então dá só uma olhada aqui ó. Disse o primeiro amigo.

  • O que é isso cara? Cadê a mina?

  • Que mina meu camarada? Esse é o avião que eu te falei. Meu você precisava ter visto a cara da galera quando a gente viu esse baita avião passando na  avenida. Todo mundo achou super estranho. O Danilo, como estava meio chapadão até pensou que estava ficando maluco. Você acredita que ele chegou a falar que não ia beber mais. Ele fez promessa e tudo. Foi muito sinistro meu.

Hoje no jornal da manhã a gente ficou sabendo que essa aeronave era da antiga VASP. Lembra? Aquela companhia de aviação que faliu. Um empresário lá do interior comprou a sucata do antigo avião e, aquele pessoal ali, estava justamente levando o jato para a cidade dele.

Agora a gente até pode achar engraçado, mas na hora a gente levou o maior susto. Afinal de contas não é todo dia que a gente vê um Boeing andando pelas ruas de São Paulo.

Escreva Um Comentário