Segundo a NASA o fim do mundo pode acontecer agora em 16 de Fevereiro


Você já deve ter visto na internet os chamados “Asteroide vai provocar o fim do mundo em 16 de fevereiro” desde o começo de 2017. Este texto existe porque o astrônomo russo Dyomin Damir Zakharovich teria previsto um choque de um asteroide recém descoberto com o nosso planeta.

Algumas fontes propõem o dia 16 e outras o dia 25 de fevereiro. Mas a realidade é que a notícia é extremamente imprecisa. Alguns explicam que ele é um funcionário da agência espacial norte-americana NASA e outros alegam que ele trabalha de maneira independente.

Mas será que o asteroide de fato representa uma ameaça ao nosso planeta?

Se você resolver procurar o nome do suposto cientista russo no Google vai perceber que não há outros relatos sobre ele antes do janeiro de 2017, quando a notícia se tornou pública. Entretanto o nome do cientista, apesar de poder ser real – não se sabe ainda – por causa das leis, não está associado com nenhum trabalho de cunho astronômico.

A NASA se pronunciou sobre o 2016 WF9, detectado em 27 de novembro de 2016, um asteroide que se aproximaria da órbita da Terra em 25 de fevereiro de 2017, em uma distância de 51 milhões de quilômetros da Terra, e que não representava nenhum problema pois essa distância é maior do que 132 vezes a distância de nosso planeta até a lua.

Na teoria do suposto astrônomo russo, o asteroide haveria deixado o sistema Nibiru em outubro, com uma trajetória que vai cruzar a órbita da Terra.

As detecções do asteroide são feitas a partir de um site que oferece parceria com astrônomos do mundo inteiro, que qualquer pessoa pode acessar. No local as listagens de um asteroide estão classificadas como branca, azul ou verde, sendo o que está fora deste site mencionando que há riscos para a Terra, uma notícia falsa.

Todavia alguns religiosos defendem que este será o grande dia do juízo final.

E você, o que acha sobre isso?

[Fonte: Quora – Debunking Dooms Day]

Escreva Um Comentário