Prêmio homenageia 11 mulheres negras nesta segunda

Em sua 4ª edição, o Prêmio Mulheres Negras Contam a Sua História, homenageia 11 mulheres nesta segunda-feira (25), quando é celebrado o Dia Internacional da Mulher Negra na América Latina e no Caribe. A cerimônia será realizada no Museu Sete Candeeiros, no Centro Histórico, às 18h. Serão homenageadas a ouvidora geral da Defensoria Pública do Estado, Vilma Reis; a presidente da Banda Didá, Viviam Caroline; a estilista Mônica Anjos; a editora do coletivo literário da Ogum’s Toques, Mel Adún; a yalorixá Lila D’Oxum, do Ilê Axé YáTomin; a ebomi Nice de Oyá, do Terreiro Casa Branca; a integrante da Rede de Mulheres da Bahia, Lindinalva de Paula; a jornalista Ivana Flores; a vice-presidente da Comissão de Promoção da Igualdade Racial da OAB Bahia, Germana Pinheiro; a nengua de nkissi Edna Alcântara, do Terreiro Gunzo Mutalombo Junssara; e a coreógrafa do bloco afro Malê Debalê, Jane Salles. O evento é organizado pela Associação de Terreiros da Liberdade e Adjacências (Egbe Axé), em parceria com a Secretaria Municipal de Reparação, e apoio de empresas parceiras. Presidida pela yalorixá Diana de Oxum, a Egbé Axé é composta por 120 terreiros credenciados.

BN

Escreva Um Comentário