Os Antissociais – Historias Engraçadas

– Alô?

– E aí?

– Fala, grande.

– Que tá fazendo?

– Nada. Debaixo das cobertas.

– Hum. Sei.

– E você?

– Na mesma.

– Um saco, hein!

– Pois é. Liguei pra isso.

– Isso o que?

– Ah, sei lá. Tédio dos infernos.

– Pra variar né?

– Vontade acabar com isso tudo.

– Vai se matar?

– Não, anta. Vontade acabar com esse tédio.

– Vá ler um livro.

– Outro?

– É, um saco!

– E como! Já foram três essa semana!

– Putz.

Os Antissociais

– Tá afim de sair?

– Nem. Pra onde?

– A festa da facul.

– Ah, nem vou. Tô debaixo das cobertas.

– Só sair daí.

– Nem… Só saio daqui amanhã cedo.

– Eu tô afim de ir.

– Você vai?

– Não disse que vou. Disse que estou afim.

– Mas você vai?

– Ah, sei lá.

– Fazer o que lá, cara?

– Fazer o que aqui?

– Vá ler um livro.

– Putz… Você não se incomoda com isso, cara?

– Isso o quê?

– Ficar dias e dias enfiado nesse quarto. Você é um ser humano ou uma ameba?

– Ó quem fala.

– É disso que estou falando.

– Eu não sou uma ameba.

– Amebas são mais sociáveis, isso sim.

– São?

– Devem ser. São mais populares que nós, pelo menos.

– Se são. Você vai?

– Pensando. Dá medo.

– E eu não sei?

– Vai ter gente estranha pra cacete lá.

– Muita gente, isso sim.

– E estranha.

– E como! Você vai?

– Se você for, eu vou.

– Eu não vou.

– Por que não?

– Nem a pau. Muita gente. Gente estranha.

– A gente se enturma.

– Certeza?

– Bom, acho que não. Mas a gente tenta, pelo menos.

– A gente tentou ano passado, lembra?

– É.

– No que deu?

– Sujeira.

– Nem isso. Não deu foi em nada, isso sim.

– É.

– Os dois largadões lá no meio sem saber o que fazer.

– É.

– Olhando um para a cara do outro. No mesmo lugar durante duas horas.

– Se ao menos a gente soubesse dançar.

– E quem ia querer dançar com a gente?

– Pior. Fiascaço.

– E como!

– Melhor deixar essa ideia pra lá, né?

– Melhor mesmo.

– Mas, o que eu faço nessa porcaria de sábado?

– Ah, sei lá. Faça o mesmo que eu.

– OK.

Desligou, e foi ler um livro.

Um saco!

Escreva Um Comentário