Na Holanda você pode pagar a Auto Escola com sexo

Na Holanda a prostituição é legalizada, e recentemente o país aprovou mais uma lei polêmica: alunos holandeses de autoescola agora poderão trocar sexo por aulas. A lei que foi apelidada de “Ride for a Ride” (passeio por um passeio, em tradução livre) permite que os aspirantes a condutores troquem sexo por aulas, facilitando assim o pagamento da atividade. De acordo com a determinação do governo holandês, a lei atinge apenas os maiores de 18 anos.

O governo da Holanda esclareceu que é legal instrutores (as) de autoescolas oferecerem aulas em troca de sexo, desde que os alunos (as) sejam maiores de 18 anos. No entanto, é ilegal oferecer sexo em troca do serviço.

Os ministros nacionais dos Transportes, Melanie Schultz van Haegen, e da Justiça, Ard van der Steur, abordaram o tema em resposta a uma pergunta apresentada no Parlamento por um membro do partido conservador União Cristã. A dupla observou que, apesar da atitude ser “indesejável”, oferecer aulas de condução com o sexo como forma de pagamento não é ilegal.

Em uma carta ao Parlamento os ministros ressaltaram: “Não é sobre o oferecimento de atividades sexuais mediante remuneração, mas o oferecimento de uma aula de condução”. “A iniciativa cabe ao instrutor de condução, e centra-se em oferecer uma lição de condução, com o pagamento previsto em atos sexuais. A prostituição é configurada quando um ato sexual é oferecido em troca de pagamento financeiro”, concluem os ministros na carta.

O site do jornal britânico “Metro” relatou que, após a aprovação da lei, as pesquisas na internet pelo termo “Ride for a Ride” tiveram um aumento significativo. Também cresceu no país a procura por as aulas de condução em troca de sexo, ou “um passeio por um passeio”, como a prática foi apelidada.

Fonte: Telegraph

Escreva Um Comentário