Mulher é viciada em comer esponjas de cozinha com produto de limpeza



mulher viciada

De vícios estranhos o mundo está cheio, mas esta britânica se superou na esquisitice. Emma Thompson, de 23 anos, tem um costume bastante estranho desde os 3 anos de idade. Ela tem uma doença chamada alotriofagia, ou síndrome de pica, em que seres humanos têm apetite por objetos ou substâncias que não são realmente comestíveis, como por exemplo: terra, carvão e tecidos.

No caso de Emma, a compulsão é por ‘saborear’ espumas embebedadas em produto de limpeza com aroma. Ela disse em entrevista ao Daily Mail que mesmo antes de tomar café da manhã ingere uma esponja. Na realidade ela engole a esponja apenas em algumas vezes, na maioria dos dias ela apenas mastiga o objeto até todo o líquido ser absorvido.

“Eu gosto do cheiro e do sabor que o líquido deixa na esponja, enchendo minha boca de espuma. É apenas um hábito vicioso. Algumas pessoas fumam, eu como esponjas”, disse.

Apesar de já ter tido consequências em relação à saúde devido ao hábito estranho, como amigdalite por exemplo, a jovem não pretende abandonar a mania. Seu namorado, que achou esquisito o hábito da moça no início, confessa que já se acostumou com a ideia.

“Sinceramente, eu prefiro esponjas à comida. As pessoas costumam sair para comer um bife e eu acho mais legal sair para saborear uma esponja”, afirmou Emma, que come cerca de surpreendentes vinte itens por dia dependendo de seu humor.

Escreva Um Comentário