Mulher devolve livro com quase 68 anos de atraso

Multa poderia chegar a 7.321,43 dólares neozelandeses (R$ 18,7 mil).
No entanto biblioteca de Auckland preferiu não cobrar nenhuma multa.

Uma mulher devolveu um livro para uma biblioteca em Auckland, na Nova Zelândia, com quase 68 anos de atraso. A obra “Myths and Legends of Maoriland”, do escritor Alexander Wyclif Reed, tinha sido retirada emprestada em dezembro de 1948.

Obra 'Myths and Legends of Maoriland', do escritor Alexander Wyclif Reed, tinha sido retirada emprestada em dezembro de 1948 (Foto: Reprodução/Twitter/Auckland Libraries)Obra ‘Myths and Legends of Maoriland’, do escritor Alexander Wyclif Reed, tinha sido retirada emprestada em dezembro de 1948 (Foto: Reprodução/Twitter/Auckland Libraries)

A bibliotecária Zoe Cornelius disse que a mulher entrou na quinta-feira à tarde para devolver o livro. Ela disse que não é algo incomum ter livros devolvidos depois de vários anos, mas este foi o mais antigo com atraso a ser devolvido para a biblioteca.

Segundo a imprensa neozelandesa, convertida para valores de hoje e corrigida pela inflação, a multa aplicada deveria ser de 7.321,43 dólares neozelandeses (R$ 18,7 mil). Ao todo, foram e 24.604 dias de atraso. No entanto a biblioteca preferiu não cobrar nenhuma multa.

Escreva Um Comentário