Levantamento de peso tem dois recordes quebrados e decisão por peso corporal

Não faltou equilíbrio na decisão da categoria até 77kg do masculino no levantamento de peso. Em uma disputa emocionante, e literalmente decidida nos detalhes, Nijat Rahimov, do Cazaquistão, e Xiaojun Lyu, da China, quebraram recordes mundiais e ergueram a mesma carga no Pavilhão 2 do Riocentro. O ouro ficou com o europeu, por conta de sua menor massa corporal. No feminino, o título da categoria até 69kg foi para a chinesa Yanmei Xiang.

Atual campeão mundial, Rahimov ergueu 319kg (165kg no arranco e 214kg no arremesso) e bateu o recorde mundial do arremesso. Lyu, por sua vez, levantou a mesma carga, com 177kg no arranco, também derrubando o recorde mundial, e 202kg no arremesso. O bronze foi para Mohamed Mahmoud, do Egito, com a marca de 361kg (165kg no arranco e 196kg no arremesso).

“Esse sentimento é incrível. O Cazaquistão esteve ameaçado de nem vir aos Jogos. Treinei muito nos últimos dois anos, no Azerbaijão e no Cazaquistão”, disse o vencedor.

Chinesa Yanmei Xiang em ação no Pavilhão 2 do Riocentro (Foto: Getty Images/Julian Finney)

No feminino, Xiang, estreante nos Jogos Olímpicos, levou o ouro com a marca de 261kg (116kg no arranco e 145kg no arremesso). A prata foi para Zhazira Zhapparkul, do Cazaquistão, que ergueu dois quilos a menos (115kg no arranco e 144kg no arremesso). A egípcia Sara Ahmed completou o pódio com 255kg levantados (112kg + 143kg).

“Toda competição nova é uma experiência ótima para os atletas. Gostei muito do clima dos Jogos”, resumiu a chinesa.

O calendário do levantamento de peso terá um dia de intervalo nesta quinta (11). As disputas serão retomadas na sexta (12), com as categorias até 75kg do feminino e até 85kg do masculino.

 

fonte: https://www.rio2016.com

Escreva Um Comentário