Jacaré da Lagoa da Pampulha está cada vez mais gordo e tranquilo


Mesmo passando seus dias nadando na poluição da Lagoa da Pampulha, entre lixo que boia e a camada verde espessa de algas mortas, um dos jacarés que habitam o reservatório aparece cada dia mais gordo, sinal de boa alimentação e saúde do réptil ainda que em meio ao ambiente degradado. Pior para as capivaras, os outros animais daquela fauna e que servem de banquete para os jacarés. Neste calor de início de ano, o réptil aproveita o sol para se espreguiçar, sem dar muita bola para os turistas e passantes que o fotografam cada vez mais de perto.

Escreva Um Comentário