Garota do tempo comemora demissão de TV com bananeira no estúdio


A jornalista Gabriella Bordasch anunciou sua saída da TV RBS (afiliada da Globo no Rio Grande do Sul) em um vídeo no qual aparece plantando bananeira no estúdio em que trabalhava.

Bordasch, que apresentava boletins sobre o clima em um jornal da rede RBS, postou o vídeo no Facebook junto com uma mensagem comunicando sua saída.

“E um belo dia resolvi virar minha vida de cabeça para baixo… Depois de pouco mais de quatro anos deixei a RBS. Embora tenha escrito o título acima, não foi de uma hora para outra, não. A decisão foi tomada após meses amadurecendo essa ideia. Resolvi que precisava ir adiante. Sou muito grata à empresa que, além de ter me ensinado grandes lições sobre jornalismo, me presenteou com amigos pra vida inteira e ainda um marido (risos)”, escreveu ela no Facebook.

O vídeo já teve mais de 46 mil visualizações e gerou uma série de comentários.

“Foi espontâneo, eu estava meio irritada porque eles estavam demorando para começar, não sabia que os meninos do switch estavam gravando. Foi em novembro, mas eu já estava praticamente decidida a sair, estava lá e não estava. Na época pensei que isso não poderia vazar antes de eu pedir demissão para não dar justa causa”.

A jornalista decidiu compartilhar o vídeo com os amigos por achar que tinha a ver com a nova fase que vai encarar em sua vida – ela vai abrir uma produtora de vídeo – mas não esperava a repercussão.

“Já fiquei meio assim quando vi que já tinham 600 curtidas. Logo meu tio me mandou um link de um jornal, aí vi que a coisa era séria. Eu sinto que a gente tem que ter muito cuidado com o que coloca. A minha sorte foi que as pessoas acharam engraçado”.

Aos 29 anos, a ex-garota do tempo temeu por sua integridade na profissão, mas acha que esse frenesi é passageiro.

“As pessoas logo esquecem. Eu tive receio em relação a minha credibilidade como jornalista, mas como agora estou saindo do mercado, vou focar em outra coisa, não fiquei tão preocupada”.

Já a repercussão parece não ter causado muito barulho em sua antiga emissora.

“Meu ex-chefe gostou, achou engraçado, positivo, mas não sei se a diretoria da RBS aprovou ou não, não tive esse retorno. Saí da emissora muito na boa, sem brigas, nada, sou muito grata pela oportunidade que me deram.”

Com o telefone que não para de tocar e até convite para participar do “Pânico”, a jornalista parece estar tranquila e bem pé no chão com a fama repentina.

“Não sei se vou participar… Do ‘Pânico’ da rádio até poderia ser legal, mas na TV não sei. Sobre convites de trabalho, podem até surgir, mas nada que me deslumbre muito. Não estou pensando nisso, estou focada nos meus projetos”.

Escreva Um Comentário