Colombiano ganha ouro e faz história no levantamento de peso

Foi um dia histórico para o esporte colombiano no Pavilhão 2 do Riocentro. Competindo em seu continente, Oscar Figueroa quebrou o recorde Olímpico e levou a medalha de ouro da categoria até 62kg do levantamento de peso, tornando-se o primeiro homem de seu país dono de um título Olímpico.

Figueroa, de 33 anos, levou o ouro com a marca de 318kg levantados (142kg no arranco e 176kg no arremesso) e quebrou o recorde Olímpico para o arremesso. O colombiano, prata em Londres 2012, enalteceu a longa preparação que realizou para alcançar o feito.

“Isso é o melhor que eu poderia ter imaginado para o meu país e minha família. Estou muito feliz. Foi uma preparação muito dura. Os quatro anos após a prata em Londres foram de muito trabalho e dedicação, mas tudo valeu a pena”, disse.

A medalha de prata da prova foi para o indonésio Eko Yuli Irawan, que ergueu 312kg (142kg no arranco e 170kg no arremesso) e o bronze foi conquistado por Farkhad Kharki, do Cazaquistão, com 305kg (135kg + 170kg).

Dupla tailandesa divide o pódio com atleta da Taipé Chinesa (Foto: Getty Images/Lars Baron)

No feminino, dobradinha e recorde Olímpico para a Tailândia na categoria até 58kg. O ouro ficou com Sukanya Srisurat, com a marca de 240kg (110kg no arranco e 130kg no arremesso), que lhe valeu o recorde Olímpico do arranco. A prata foi para sua compatriota Pimsiri Sirikaew, que ergueu 232kg (102kg + 130kg) e o bronze para Hsing-Chun Kuo, da Taipé Chinesa, com 231kg (102kg + 129kg).

“Estou muito feliz, nunca pensei que pudesse conseguir. É minha primeira vez nos Jogos e estou muito feliz por voltar ao meu país com a medalha de ouro. Eu treinei muito duro. Precisei de muita perseverança para chegar até aqui”, desabafou a campeã.

Nesta terça (9), outras duas categorias colocarão medalhas de jogo no levantamento de peso: até 63kg feminino e até 69kg masculino.

 

fonte: https://www.rio2016.com

Escreva Um Comentário