Cientistas afirmam, mundo acabará em 100 anos

Frank Fenner, um microbiologista afirmou seriamente que estamos em um mundo que será inabitável daqui um século, e isso resultará na nossa extinção.

Fenner é conhecido mundialmente por ter erradicado a varíola no ano de 1970. Segundo o próprio, são 3 fatores que fazem a base da afirmação. São elas: superpopulação; mudanças climáticas e falta de recursos.
Mesmo não tendo alguma prova cientifica, o afirmação deve ser encarada seriamente, pois, mesmo que não aconteça, serve de um grande alerta.
Nossa vida precisa ser re planejada, urgente. Um esforço mínimo deverá ser feito para prolongar nossa existência na Terra.
mundo acabando2
Fenner acredita que não tem como reduzir os prejuízos, porém, há como prevenir mais danos ainda ao nosso problema, precisando de muito esforço. Segundo Fenner, precisaremos de uma mudança global.
Uma viagem sem volta caso não nos preocuparmos. Até 2100, se continuarmos nesse ritmo, o aumento de temperatura será de 5º C, e o nosso limite, é 6º C.
Daqui 20 anos apenas, o mundo aumentará 2º C, e a situação já vai estar preocupante nesse ponto. Esses dados são reais, é previsão científica.
A previsão de Fenner há lógica, podemos não viver até isso acontecer, mas com certeza nossos filhos irão.

Escreva Um Comentário