Nesta etapa, a água se vaporiza e passa por uma câmera revestida com nanoesferas hidrofílicas, sendo conduzida em seguida para um reservatório inferior, o que permite que ela seja usada na limpeza ou irrigação agrícola, apenas para citar alguns exemplos.

Se a essa hora você está se perguntando sobre energia limpa, ela também tem vez aqui. Os resíduos sólidos vão parar em uma câmara separada, e o usuário tem a oportunidade de escolher se quer incinerá-los para que se transformem em energia que pode abastecer pequenos dispositivos móveis ou manter o próprio sistema do vaso. Curtiu a ideia?