Aracaju, no Sergipe, tem a primeira sorveteria do país comandada por deficientes auditivos

É possível pessoas surdas tocarem um negócio que atende todos os tipos de públicos, e não apenas deficientes auditivos? Pode sim, e como pode! A cidade de Aracaju, no Sergipe, tem a primeira sorveteria do país comandada 100% por pessoas surdas: a Il Sordo. É isso mesmo, do proprietário até os funcionários, todos são deficientes auditivos.

A comunicação com os clientes que não são surdos rola numa boa. Eles, inclusive, acabam aprendendo alguns sinais de Libras (Língua Brasileira de Sinais). “Nossa proposta foi mostrar que o cidadão surdo pode se comunicar e ser compreendido. Quero que este estabelecimento sirva de referência para outras”, explica Breno.

Escreva Um Comentário