7 mitos ridículos sobre sexo nos quais muitos ainda acreditam

É impressionante como constantemente vemos pessoas reverberando mitos sobre o sexo que caíram na geração passada. Você já ouviu gente falando que gozar fora não evita gravidez? Já ouviu falar que pra mulher a primeira vez é sempre dolorosa? Então essa matéria é pra te munir de informação e iluminar a vida sexual dessas pessoas.

Agora segura essa marimba aí e confira a desconstrução de 7 mitos que as pessoas continuam propagando sobre sexo:

1- Coito interrompido não é eficaz

Woman's hand holding pregnancy test

No tocante à contracepção, os preservativos são 98% seguros, correto? Pois o coito interrompido é 96% eficaz. Os preservativos são apenas 2% mais seguros para o controle de natalidade, mas contra DST’s continua absoluto.

2- Sexo antes das competições atrapalha a performance dos esportistas

Romário-11

Sexo não consome tanta caloria a ponto de deixar um competidor indisposto do dia seguinte. A concentração imposta pelos treinadores de futebol por exemplo, só se justificaria se fosse pelo acúmulo de testosterona, que daria o “sangue nos olhos” dos atletas. Mas um longo período de abstinência sexual diminui os níveis de testosterona, então, não.

3- A primeira vez da mulher é dolorosa

sexo-primeira-vez_mat-595x330

Primeiro que nenhum hímen precisa ser forçado. Pode haver sexo sem que o hímen seja rompido. A questão da dor é tão propagada que criou raízes no imaginário popular e brotando no psicológico de algumas garotas. A menos que não se use nenhuma lubrificação e a penetração seja forçada, não há com que se preocupar.

4- Afrodisíacos apimentam o sexo

6e0032016fcfaec216d70f94490d72d6

A divisão de controle de alimentos dos Estados Unidos, a FDA, constatou que não há nenhuma ação de qualquer alimento ou medicamento sobre o desejo sexual de uma pessoa. Não confundamos falta de libido com problemas de ereção, pra esses casos sim, há a ação. O que existe é um fetiche popularizado sobre alguns alimentos e bebidas.

5- Pessoas velhas transam menos

bem_estar_casal_idoso

Um estudo publicado pelo Thursday’s New England Journal of Medicine, mostra que 75% dos idosos que aceitaram participar da pesquisa praticam sexo regularmente.

6- Sexo entre primos resulta em bebês com deformações genéticas

jovens1

Na verdade, os filhos provenientes da endogamia têm mais chances de terem boa genética. O risco de problemas congênitos é o mesmo que de uma gestação de uma mulher de 41 anos. E segundo a antropologia, mais ou menos 80% dos pares casados em toda a história da humanidade eram primos em segundo grau.

7- Mulher não gosta de pornô

Filmes-pornô

As mulheres brasileiras são as que mais consomem pornografia no mundo de acordo com os sites Pornhub e Redtube. As categorias mais buscadas por elas são “lésbicas”, “trio”, “squirt” (ejaculação feminina) e interesse especial em sexo entre homens gays.

Escreva Um Comentário