7 brincadeiras da sua infância que estão desaparecendo com o passar do tempo

Qual brincadeira você mais gostava de curtir e passar horas, na sua infância? Antes de chegarmos à fase adulta, todo mundo já foi uma criança que se divertiu muito brincando com as amiguinhas e amiguinhos, na infância.

Subir na árvore, brincar de pique-esconde, pique-pega, jogar queimada com bola de meia, jogar bete, jogar golzinho na rua, fazer piquenique, você já se divertiu com alguma dessas brincadeiras clássicas da nossa infância?

Nossa redação separou para você uma listinha com algumas brincadeiras da sua infância que estão desaparecendo, de acordo com o passar dos anos por conta da geração smartphone, wi-fi etc. Confira:

1 – Pique-esconde

pique-esconde1

A brincadeira consistia em uma pessoa ser escolhida como a pegadora, contar até certo número e, enquanto isso, todo mundo se escondia em um lugar para que ela fosse sair para procurar os amiguinhos escondidos, depois do fim da contagem. O primeiro a ser encontrado seria o pegador. Você já brincou de pique-esconde?

2 – Pega-Pega

pega_pega

3 crianças já eram o mínimo e suficiente para você brincar e correr o dia inteiro. Escolhia-se quem seria o pegador e pronto, o restante corria dele para não ser pego. A primeira pessoa a ser pega trocava de lugar e assim sucessivamente.

3 – Amarelinha

img_como_brincar_de_amarelinha_12690_orig

Já dizia a canção da apresentadora Xuxa:
“Amarelinha
É uma brincadeira fácil pra dedéu
Amarelinha
Pulando pulando até chegar ao céu
1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8″.

A amarelinha consistia em jogar uma pedrinha dentro de um quadradinho segmentado e todo enumerado e sair pulando numa perna em direção ao “céu”, que seria o marco final da brincadeira.

4 – Mimica

PJBG963

A mimica era uma diversão que reunia a criançada toda e garantia horas e horas de alegria e muita tentativa de adivinhação.

A brincadeira consistia em escolher  um assunto (pode ser filmes, séries, carros), dividir as pessoas em grupos e fazer mimica para que elas acertem o que está sendo interpretado sobre algo em específico.

Escolhia-se um filme, por exemplo, a pessoa ia até a frente das demais e tentava expressar o nome desse filme escolhido por meio de gestos e expressões, sem usar a fala.

5 – Jogar golzinho na rua

golzinho 2

Para brincadeira acontecer, bastavam só dois pares de chinelo, mínimo de 4 jogadores, uma bola de futebol e uma rua, viela, beco, quadra de apartamento ou até quintal da casa de alguém. Era clássico machucar o dedão do pé jogando descalço na rua.

Uma pena que, com as tecnologias, as crianças das novas gerações só curtam mexer nas redes sociais e ficar teclando nos smartphones.

6 – Queimada com bola de meia

queimada

Você junta uma turminha de amigos, divide um grupo para um lado e outros para o outro, coloca uma pessoa numa ponta e outra em outra oposta e está pronta a brincadeira.

Basta começar a jogar para um campo e começar a “queimar” os adversários. Geralmente, as pessoas brincam com bolinha de meia ou outras de plástico com tamanho menor.

7 – Dança da cadeira

03

Coloque cadeiras alinhadas em círculo, bem próximas umas às outras e coloque uma música qualquer. Em seguida, junte um número de crianças que se igualem ao de cadeiras e pronto, comece a filmar a diversão.

À medida que a música for interrompida, uma cadeira vai sendo retirada e a galera tem que sentar. Quem ficar sem assento, sai da brincadeira. E quem sobrar até a última delas, ganha a brincadeira.

Você já brincou de alguma destas brincadeiras da nossa lista na sua infância? Mande seu comentário para gente!

Escreva Um Comentário